sábado, 28 de fevereiro de 2009

Baobás

Segundo Valiente, Deus e o Diabo são amigos e todo final de tarde se reúnem dentro de cada um de nós pra jogar baralho e contar piadas. Alguém duvida?
Nos encontros durante e pós o império dos sentidos do carnaval, a nossa pauta girou em torno de baobás, jibóias e outras coisas do asteróide B-512 (onde pensamos nos refugiar mais cedo ou mais tarde). E daí que achamos que os seres não-unicórnios se enquadram em categorias e sub-categorias, segundo o modo como transitam no mundo e de acordo com os níveis de serotoninas, pantomimas, alegorias psicológicas e adereços espirituais. Algo assim como as categorias cronópios, famas e esperanzas, do gênio Cortázar.
Algumas modalidades preliminares, então:
Quasímodos
Baobás
Amélie(s) Poulain(s)
Pequenos Príncipes
Cuspidores de Fogo
Pelotões de Fuzilamento
Passa o sal
Pessoas-flores
Encostos inviáveis
Clarices
Etc, etc.
Quem pertence a qual ala já é tema pra outra conversa. E como identificar também. Mas é bom perguntar, pelas dúvidas: vc me desenha um baobá? Dependendo da resposta, diga algo de tom clariceano: vou ali morrer um pouco e já volto. E revolva seus vulcões ou se pendure em sinos: isso agrega valor e a pele fica bonita.

6 comentários:

Dani disse...

Háááa´, mas essa conversa foi das boas mesmo! Não conto nem com a presença do meu advogado quais criaturas pertencem a cada classe!

A estranha disse...

Após várias tentativas sem sucesso de postar neste blog, estou eu aqui de novo...vamos ver se sai agora...pois bem:
Maninas! Vcs são muito divertidas e absurdamente criativas, porém a dona Dani Valiente me arremessou um baldaço de água fria, sim, pq eu ia pedir para que relacionassem os adeptos a cada ala, somente para ver onde estaria a minha colocação...ai, ai... pq fui abrir a boca!
Adorei! Beijos

Aline Aguayo disse...

Elefante dentro da jibóia, serve?!
haha
Adorei o texto!

Anônimo disse...

acho que pertenço a outra dimensão...não entendi nada, dá pra fazer um desenho ? Beijo, te amo mesmo assim

Jeane Hanauer disse...

Tá bom, faço um desenho, rs. Que bom que você me ama, neste caso você merece um desenho bem bonito, rs.
Volte sempre, viu?

Jeane Hanauer disse...

Aline:
Elefante dentro de jibóia vale sim! Categoria especial.
Que bom ter você sempre aqui!